19/05/2023 às 20h00min - Atualizada em 20/05/2023 às 08h00min

Renato Massari traz de volta o romance "Similitudes", que narra a história de duas Francines, de épocas diversas mas cheias de coincidências de vida.

Nessa obra, da Astrolábio Edições, o autor mistura a ficção histórica e os dramas cotidianos, com um toque de realismo mágico, tratando sobre a individualidade do eu. 

SALA DA NOTÍCIA PAULA MARIA CORREA RAMAGEM SOARES
Paula Ramagem
Divulgação
 
 
O escritor Renato Massari traz de volta o livro "Similitudes", romance em que a personagem principal, Francine de Castro, lê as memórias de Francine Descartes (filha de René Descartes) e, com o decorrer da  leitura, percebe uma série de coincidências entre suas trajetórias de vida.  Nessa obra, da Astrolábio Edições, o autor mistura a ficção histórica e os dramas cotidianos, com um toque de realismo mágico, tratando sobre a individualidade do eu. 
 
Similitudes é um livro curto, mas que preenche a imaginação em suas 212 páginas, pela narrativa que vai e volta no tempo. Além disso, para quem gosta de marcar passagens para serem relidas, há trechos maravilhosos e frases que conversam diretamente com o leitor.
 
Sinopse
 
Similitudes narra as histórias de duas mulheres: Francine de Castro e Francine Descartes. A primeira é brasileira e professora de filosofia; a segunda, nascida na Holanda, é uma personagem criada a partir da filha de René Descartes. Diante do esquife da mãe, falecida em 2018, a professora de filosofia Francine de Castro rememora principalmente o que se passou nos dias 12, 13, 23 e 25 de abril de 2014. Tinha então 36 anos e, naqueles dias, além de mergulhar profundamente em recordações e reflexões, fez também uma fascinante descoberta ao ler “A Outra História de Francine Descartes”. Tal leitura contribuiu para as importantes decisões que precisava tomar: romper com o namorado (que não queria ser pai) e ter um filho mediante inseminação artificial. O livro que leu é ambientado no século XVII e narrado pela própria Francine Descartes. É uma obra de ficção na qual a morte da narradora, aos cinco anos de idade, foi um equívoco histórico. Com quase 61 anos, Francine Descartes escreve um livro de memórias, discorrendo sobre acontecimentos marcantes em sua vida. Já a narrativa sobre Francine de Castro é feita por sua filha, mas esta só se revela como narradora no epílogo. À medida em que as duas narrativas (desenvolvidas em capítulos separados) fluem, emergem similitudes entre as histórias de vida de Francine de Castro e de Francine Descartes. A leitura do livro de ficção leva Francine de Castro a achar que, de algum modo inexplicável, autora se apropriou de certos acontecimentos marcantes em sua vida e os colocou na história narrada por sua personagem, Francine Descartes. No epílogo, a filha de Francine de Castro fala um pouco sobre o mundo de 2048 e assume a autoria de “Similitudes”, obra que escreveu a partir de notas pessoais da mãe, dos relatos que ouviu dela e também da leitura de “A Outra História de Francine Descartes”. Finaliza o escrito com uma breve reflexão sobre a individualidade do eu.
 
Sobre Renato Massari
 
Doutor em Educação e professor aposentado da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tem vários trabalhos publicados na área acadêmica e, como autor de ficção, escreve desde os 15 anos. Antes de Similitudes (2022), publicou dois livros de poesia
(Sentimentos, Sabores, Semblantes; Vida, um Glossário Poético) pela editora Baraúna (SP) e um de contos (Montagens Cariocas) pela editora Autografia (RJ). Em 2021, teve o romance Barca das Lembranças publicado sem custos pela editora Planeta Azul (RJ), já que foi o primeiro colocado no processo seletivo. Na poesia, seus temas preferenciais são os dramas afetivos e as questões sociais. Nos contos e nos romances esses temas são permeados por alusões históricas e filosóficas e por alguns
elementos de realismo mágico.

Principais distinções literárias

- “Barca das Lembranças” – Romance premiado em primeiro lugar no prêmio Planeta Litterae – Melhor escritor do Rio de Janeiro, promovido pela editora Planeta Azul (2020).

- “Tio Creso” – Conto destacado com Menção Honrosa no Concurso de Contos da Academia de Letras e Música do Brasil (2020).

- “Minha Fronteira” – Peça curta classificada em primeiro lugar (categoria sênior) no Prêmio Filo-Lisboa 2020, promovido pelo Centro de I&D sobre Direito e Sociedade (CEDIS) e outras instituições parceiras.

- “Duas Mães” – Conto classificado em 4º. Lugar no VIII Concurso Literário Cidade do Penedo de Poesia e Conto (2022)

- “Filmagens”  –  Conto classificado em primeiro lugar no Prêmio VIP de Literatura Antologia de contos A.R. Publishers (2022).

- “É Coisa de Novinha, Sim”. Crônica classificada em segundo lugar na 21ª edição da Feira do Livro de Ribeirão Preto (2022)

- “O Olhar de Marcela” – Conto selecionado entre os nove textos (poesia e prosa) finalistas do Prêmio Arte e Literatura 2022 USP60+
 
 
Serviço
Autor: Renato Massari
Editora: Astrolábio Edições
ISBN: 9117898931  7392041
Romance
E-mail para compra:  [email protected]

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp