08/04/2021 às 08h20min - Atualizada em 08/04/2021 às 08h20min

Entenda como funcionam as câmeras de monitoramento instaladas em Joinville

Os equipamentos serão instalados em cinco pontos da cidade

Redação Agora Joinville
Divulgação
Joinville contará em breve com cinco unidades autônomas de urbanidade UAU. Os equipamentos são estruturas com câmeras de monitoramento de alta resolução, alarme, Wi-Fi, interfone, acionamento de emergência médica e também coleta de dados do meio ambiente como incidência de raios UV, temperatura, qualidade do ar e controle de ruídos. As unidades serão instaladas em locais orientados pela polícia militar de Santa Catarina.

O equipamento tem um sistema de inteligência artificial que é capaz de realizar a biometria facial. As informações são comparadas com bancos de dados de institutos de identificação e, posteriormente, podem ser cruzadas com listas de foragidos ou pessoas desaparecidas, por exemplo. A tecnologia é usada ainda para lidar com problemas específicos. As câmeras para veículos podem, por exemplo, identificar um carro que, apesar de trafegar dentro da velocidade permitida, faz movimentos perigosos. Na sequência, a polícia é alertada para prevenir acidentes, checando se o motorista está bêbado e se tem habilitação.

A ampliação do projeto se dá através da participação das associações de moradores e de empresas patrocinadoras. A idealizadora da unidade UAU é a empresa Urbanii e o projeto não tem custo para a Prefeitura Municipal de Joinville.

Novos Totens 

A primeira unidade UAU foi instalada próximo do terminal de ônibus central, a segunda será na rodoviária, a terceira no terminal norte, a quarta na rua Itajaí e a quinta unidade UAU ainda está em estudo pela Polícia Militar, muito provável que seja instalado na esquina das ruas Júlio Mesquita e Cegonhas, no Comasa. 

Atualmente já existem totens em outras cidades do Estado: Penha, Florianópolis e Piçarras, este último município em processo de instalação. Quem comanda a infraestrutura, tubulação, base concreta e energia elétrica para instalação é a Secretaria de Infraestrutura (SEINFRA). Para que os aparelhos tenham câmeras, há um convênio com a Secretaria de Segurança Pública do Estado que segue as mesmas diretrizes do projeto Bem-te-vi.

Os aparelhos são instalados e os custos de internet e energia são bancados por patrocinadores do projeto. As imagens das câmeras dos totens são de uso do 8° Batalhão da Polícia Militar e da Polícia Civil.

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor da criação da região metropolitana de Joinville?

91.6%
5.8%
2.6%
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp