16/12/2020 às 10h38min - Atualizada em 16/12/2020 às 10h38min

Polícia Civil investiga médicos suspeitos de registrar o ponto e deixar o hospital

As denúncias são de profissionais do Hospital Regional Hans Dieter Schimidt

Redação Agora Joinville
2ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Joinville
2ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Joinville
Conforme inquérito, 11 médicos que atuam no Hospital Regional Hans Dieter Schimidt são suspeitos de registar as digitais e saírem do hospital sem cumprir a jornada integral de trabalho, voltando apenas no final do expediente para marcar a saída.
A Polícia Civil, através da DIC de Jonville, em atuação conjunta com o GAECO, cumpriram, na manhã dessa terça (15), 11 mandados de busca e apreensão em desfavor dos investigados. 
As investigações iniciaram no mês de setembro deste ano e passaram a apurar denúncias de que médicos que atuam no hospital estariam burlando o controle de frequência a que estão submetidos, não cumprindo a carga horária mensal de trabalho.
Conforme informações prestadas pela DIC e pelo GAECO, que atuaram integrados nas investigações, “foram 45 dias de monitoramento dos policiais no cotidiano profissional destes médicos, sendo apurado que os servidores – médicos de variadas especialidades – registravam a entrada no hospital, via ponto biométrico, mas logo depois deixavam o local sem constar a saída, seguindo então para a realização de inúmeras atividades particulares, dentre atendimentos em clínicas privadas, compras no comércio e atividades esportivas, retornando ao trabalho apenas para inserir digitalmente à saída.”
Conforme verificado nos vínculos funcionais dos suspeitos, todos são servidores concursados e recebem entre R$ 9 mil e R$ 20 mil mensais por uma jornada de 80 horas/mês.
Foi apurado ainda, que alguns servidores receberam, inclusive, horas extras e adicional noturno.
Os investigados responderão pelo crime de falsidade ideológica (art. 299 do CP). Além disso, poderão também ser responsabilizados civilmente, com o ressarcimento do erário e administrativamente, com a perda do cargo público.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor da criação da região metropolitana de Joinville?

90.9%
4.5%
4.5%
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp