15/03/2021 às 08h06min - Atualizada em 15/03/2021 às 08h06min

Manifestações de domingo pedem intervenção militar e destituição do STF, em Joinville

Apoiadores do presidente Bolsonaro também se manifestaram contra lockdown; veja o vídeo

Beatriz Kina
Beatriz Kina
Durante esse domingo (14), manifestações contra as restrições impostas para combater a covid-19 foram registradas nas principais cidades catarinenses.

Em Joinville, as manifestações estavam concentradas em dois pontos. Por volta das 14h, em frente ao 62º Batalhão de Infantaria, manifestantes levavam faixas pedindo intervenção militar e destituição do Supremo Tribunal Federal, o que é inconstitucional. O movimento estava pacífico e não havia autoridades policiais até esse momento. A maioria desses manifestantes usavam máscaras e vestiam uma camiseta do Brasil.

No mesmo horário, no pátio da Arena Joinville, manifestantes, dentro de carros, se concentraram para dar início a uma carreata com buzinaço que passou pelas principais ruas de Joinville e terminou no Centreventos Cau Hansen. Os carros dos manifestantes carregavam bandeiras do Brasil. Favoráveis ao presidente Jair Bolsonaro, eles se colocavam contra o bloqueio em Santa Catarina, adotado para evitar a proliferação da covid-19.

As manifestações foram organizadas pelo grupo Movimento Direita Joinville e protestavam contra "decisões judiciais monocráticas, fechamentos de estados e cidades sem nenhuma fundamentação". Em uma publicação, o grupo disse não apoiar "manifestações e faixas que peçam intervenção militar ou que façam ataques a instituições ou alusão a destituição destas". 




O movimento teve apoio do Deputado Estadual Sargento Lima (PSL) e do vereador de Joinville Wilian Tonezi (Patriota). 
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor da criação da região metropolitana de Joinville?

90.9%
4.5%
4.5%
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp