25/02/2021 às 10h04min - Atualizada em 25/02/2021 às 10h04min

Novo decreto estadual diminui lotação de ônibus; Veja a situação em Joinville

Confira todas as novas medidas válidas a partir de hoje em SC

Beatriz Kina
Bernardo Gonçalves
Hoje o dia amanheceu agitado e estressante para algumas pessoas devido ao novo decreto estadual. Publicado ontem (24), o decreto nº 1.168  limitou a ocupação dos ônibus a 50% de passageiros sentados, em todos os níveis de risco. Isso vale para  transporte coletivo municipal, intermunicipal e interestadual. Todas as medidas do decreto valem pelos próximos 15 dias.

Em Joinville, a Gidion publicou na noite de ontem um informativo que começaria a atender o decreto a partir de hoje.




Nos comentários da publicação, usuários reclamaram da medida. "Isso é uma palhaçada, porque aí tem que fazer fila para entrar no ônibus e as pessoas ficam todas uma do lado das outras aglomeradas", comentou uma mulher. A maioria dos comentários da publicação pedem por mais ônibus em circulação.

"Uma hora esperando um ônibus que pare, porque todos aparecem como LOTADOS. Até ontem podia socar gente até sair pelo teto, hoje no máximo 10 pessoas dentro do ônibus. Estou desde às 04:50 da manhã aguardando ônibus e somente 5 passaram. VERGONHA DE EMPRESA!", comentou outra mulher. 

A prefeitura de Joinville disse que a cidade respeitará o decreto estadual, mas não comentou sobre aumentar a quantidade de ônibus em circulação. 

A assessoria da Gidion disse que “as empresas estão colocando mais ônibus para atender o decreto do governo do estado”. Ainda não há um mapeamento de quantos ônibus a mais estão em circulação e nem em quais linhas. Confira a nota publicada pela empresa:

Os ônibus do transporte coletivo urbano de Joinville estão circulando nesta quinta-feira, 25, com ocupação de 50% dos assentos. Isto representa em torno de 15 a 18 passageiros por ônibus. A mudança na operação atende ao decreto nº 1.168 publicado ontem, dia 24 de fevereiro pelo governo de Santa Catarina. 
As empresas pedem desculpas pelos transtornos causados à população, mas foram surpreendidas pelo decreto expedido pelo governo do estado e, por isso, não puderam avisar a população com antecedência.  Reforçam, contudo, que não estão medindo esforços para colocar toda a frota em operação, assim como, mão de obra disponível para atender ao decreto do estado. Contam com a compreensão dos clientes.
A medida vale a partir desta quinta-feira, 25 de fevereiro, pelo prazo de 15 dias, ou até eventual mudança das normas vigentes.


Pedro Novais, estagiário, esperava o transporte no Parque Guarani para ir para o Terminal do Itaum e relatou que um ônibus passou com menos da capacidade permitida. “E o que eu consegui pegar veio mais pessoas que isso”, contou. “Veio todos os bancos ocupados.”

Além da mudança com os ônibus, o decreto também proíbe as atividades em casas noturnas e casas de espetáculos e a limitação da venda e consumo de bebidas alcoólicas em postos de combustíveis e suas lojas de conveniência entre 00h e 06h. Ambas medidas valem em todos os níveis de risco.

As aulas da rede pública estadual e o funcionamento do ensino presencial estão mantidos em todo o Estado, conforme regulamentação em vigor.

Confira todas as mudanças, válidas pelos próximos 15 dias: 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor da criação da região metropolitana de Joinville?

91.3%
4.3%
4.3%
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp