12/02/2021 às 09h05min - Atualizada em 12/02/2021 às 09h05min

Mulher é condenada a dois anos de prisão após tentar subornar policiais

Ela alegou que não sabia que o ato é crime

Redação Agora Joinville
Polícia Militar
Uma mulher foi condenada a dois anos de prisão por corrupção ativa após tentar subornar policiais em uma abordagem em Camboriú.

A polícia parou o carro devido aos excesso de passageiros dentro dele e a mulher, que estava no banco do carona, tentou oferecer dinheiro aos policiais para que eles deixassem passar. Em depoimento a mulher confirmou o caso, mas disse que não sabia que isso é crime. 

Ela contou que estava há 12 horas de jejum para fazer exames de sangue, por isso ofereceu o dinheiro para os policiais militares liberarem o veículo rápido. Segundo a defesa, ela possui baixa escolaridade e trabalha e mora em uma área rural.

Na decisão a juíza Naiara Brancher citou: “Qualquer homem médio, ainda com as características citadas, sabe que oferecer dinheiro a um policial é errado, e se sabe distinguir certo e errado, sabia que o que estava fazendo era ilícito e em desacordo com a lei”.

A pena de dois anos de prisão foi convertida em multa e limitações de saídas aos finais de semana. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor da criação da região metropolitana de Joinville?

91.7%
4.2%
4.2%
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp