05/02/2021 às 09h23min - Atualizada em 05/02/2021 às 09h23min

Ex-secretário da Seinfra diz que não participou da contratação das obras do Rio Mathias

Uma acareação foi maracada para o dia 18

Redação Agora Joinville
Diretoria de Comunicação Social
Diretoria de Comunicação Social
Os vereadores da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Rio Mathias ouviram na tarde desta quinta-feira (04/02) o ex-secretário de Infraestrutura, Ariel Arno Pizzolatti (foto). Ele ocupou a pasta de 2009 a 2012, durante o governo do então prefeito Carlito Merss (PT). Pizolatti afirmou que a Seinfra não participou da contratação do projeto das obras de macrodrenagem do Rio Mathias. Segundo ele, isso foi responsabilidade da então Secretaria de Planejamento (Seplan).

O ex-secretário disse que a Seinfra participou à época da elaboração do plano de drenagem urbana, que definiu a necessidade de intervenções em toda a bacia do Rio Cachoeira. Pizolatti explicou que aquele documento previa os tais de "piscinões", mas que tal proposta não foi aplicada no projeto do Rio Mathias por decisão política, sem, contudo, especificar de quem.

Por conta disso, os vereadores da CPI marcaram para o dia 18, às 14h, no plenário da Câmara, uma acareação entre as pessoas que participaram de uma reunião na Prefeitura em 17 de dezembro de 2012, em que fora aprovado o projeto da macrodrenagem do Rio Mathias. Dentre os convocados para esta acareação estão o secretário da Seplan à época, Adelir Stolf, o chefe de gabinete de Carlito Merss, Eduardo Dalbosco, e servidores, dentre eles Carla Cristina Pereira, Cassiano Garcia da Silva, Gean Paolo Marquezine, Ricardo Suzuki e Saulo Vicente Rocha.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor da criação da região metropolitana de Joinville?

90.7%
6.8%
2.5%
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp