23/11/2021 às 10h20min - Atualizada em 23/11/2021 às 10h20min

Reunião com secretários é feita pelo prefeito após calçada ceder na abertura do natal

Adriano Silva determinou que profissionais da saúde ofereçam apoio médico e psicológico às vítimas

Redação Agora Joinville
Prefeitura de Joinville
Foto: Divulgação/Prefeitura de Joinville

No início da manhã desta terça-feira (23), o prefeito Adriano Silva e a vice Rejane Gambin conduziram uma reunião com secretários de todas as áreas para atualizar as informações sobre o acidente que aconteceu durante o evento de abertura do Natal, na calçada que fica à margem do Rio Cachoeira, na noite de segunda-feira (22).

 

“Desde a noite de ontem, nossa equipe está toda envolvida para dar o suporte necessário às famílias e também para garantir a segurança das pessoas que transitam pelas imediações da via”, destaca o prefeito.

 

O primeiro ponto abordado foi o estado de saúde das vítimas. De acordo com o secretário da Saúde, Jean Rodrigues da Silva, com dados obtidos junto ao Hospital Municipal São José e ao Hospital Infantil Dr. Jeser Amarante Faria, todas as 33 pessoas atendidas receberam alta médica, com quadro de saúde estável. 

 

O prefeito determinou que profissionais da Secretaria da Saúde entrem em contato com todas as famílias oferecendo apoio médico e psicológico, inclusive com atualização dos calendários vacinais.

 

Na sequência, engenheiros da Secretaria de Infraestrutura Urbana que realizaram uma inspeção preliminar logo após o acidente, inclusive com vistoria na parte de baixo da galeria, informaram que o local do acidente foi o ponto de intersecção entre as galerias antigas do Rio Mathias e as obras de implantação das comportas, que fazem parte do projeto de Macrodrenagem.

 

O prefeito também pediu agilidade para as equipes técnicas de engenharia da Prefeitura de Joinville, com o apoio da Defesa Civil e Companhia Águas de Joinville, que realizam um estudo estrutural detalhado na área, inclusive nas praças que receberão as atividades da programação do Natal Cultural.

 

“A cidade não pode continuar sendo prejudicada pelas consequências desta obra. Por este motivo, uma análise aprofundada e detalhada será realizada imediatamente”, pontua Adriano.

 

As informações decorrentes dos laudos serão avaliadas pela Procuradoria-Geral do Município para inclusão na ação condenatória que tramita desde o dia 8 de julho na Vara da Fazenda Pública da Comarca de Joinville e que busca o ressarcimento e a reparação por perdas e danos sofridos em decorrência das obras do Rio Mathias.

 

Por questão de segurança, a avenida Dr. Albano Schulz, no sentido Sul-Norte permanecerá interditada sem previsão de reabertura.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a eleição para governador de SC fosse hoje, em quem você votaria?

8.7%
9.7%
65.0%
2.9%
0%
0%
0%
0%
1.0%
3.9%
3.9%
4.9%
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp