20/11/2021 às 15h54min - Atualizada em 21/11/2021 às 00h00min

Colégio mobiliza cerca de 150 alunos e servidores em campanha de doação de sang

Com a pandemia, hemocentros brasileiros registraram um baixo volume no estoque de sangue.

SALA DA NOTÍCIA Ascom APLAC
Sara Teixeira
Uma campanha de doação de sangue deve mobilizar cerca de 150 doadores neste sábado (20). A iniciativa, que é organizada pela agência de voluntariado do Colégio Adventista de Planaltina, DF, remete ao Dia Mundial do Doador de Sangue, comemorado na quinta-feira (25), que busca ampliar a doação de sangue e sensibilizar novos doadores. 

Com a pandemia, hemocentros brasileiros registraram um baixo volume no estoque de sangue. Por outro lado, a demanda nas unidades de saúde se mantém elevada. 

Para atendê-la e ajudar a salvar vidas, os alunos maiores de 16 anos, pais, funcionários e professores do Colégio Adventista de Planaltina estão realizando a doação durante este sábado (20), na Hemoclínica da Asa Sul, em Brasília. 

Em ritmo de celebração, uma roda de música foi formada do lado de fora da hemoclínica, onde os alunos aguardavam o momento de doação. Vitor Kauã estava entre eles. “Sabemos o quanto caíram as doações durante a pandemia. Então é motivo de celebrar essa ação que salva vidas”, salienta 

A supervisora da doação, a biomédica Priscilla Taveira, menciona que essa ação é importante porque ainda é um momento crítico da pandemia, onde muitos pacientes precisam diariamente de transfusões de sangue. “Nosso índice de transfusão é altíssimo, então a cada dez pessoas, uma necessita de transfusão. Nosso atendimento é de 24 horas por dia, por isso precisamos dessas doações para que continuemos a salvar vidas”, aponta a supervisora. 

Além das vítimas de Covid, pacientes com outras patologias e vítimas de acidentes também precisam de transfusão. "Hoje não temos nenhuma medicação que substitua a transfusão de sangue, por isso a extrema importância dela e a vinda de todos aqui hoje”, afirma Priscilla. 

O coordenador da ação, Adriano Rezende, destaca que a agência de voluntariado do Colégio se mobilizou para dar um significado a este importante movimento, que é a doação de sangue. “Principalmente por causa da pandemia, em que houve uma baixa muito grande de doadores, as pessoas ficaram com medo de doar. Como dia 25 é o dia mundial do doador, esta é uma forma que achamos para incentivar todo o nosso colégio. Entendemos que esse ato pode salvar vidas. E é uma maneira da agência cumprir sua missão e ajudar a sociedade”, frisa Rezende.

Sentado na cadeira de doação, o aluno do segundo ano do Ensino Médio, Douglas Firme, doa sangue pela primeira vez. Com olhos emocionados, ele garante que a experiência foi positiva. “Acabei de finalizar minha doação. Nunca tinha realizado. Pensei que seria doloroso, mas foi muito bom e gratificante”, comemora o estudante.

O gestor da Rede Adventista de Educação para Brasília e Entorno, Márcio Castro, destaca que essa ação é importante também para a instituição. “A agência de voluntariado está cumprindo o seu papel. Esse é o nosso propósito: ajudar o próximo. Trabalhamos os aspectos sociais, colocando isso nos corações dos nossos alunos, para que eles façam a diferença na vida do próximo, como pessoas, profissionais e cidadãos”, frisa o gestor.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Se a eleição para governador de SC fosse hoje, em quem você votaria?

7.9%
9.0%
67.4%
2.2%
0%
0%
0%
0%
1.1%
3.4%
4.5%
4.5%
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp