13/07/2021 às 08h44min - Atualizada em 13/07/2021 às 08h27min

Joinville irá receber mais de 16 mil doses de vacina nesta terça-feira

Imunizante será destinado apenas para a segunda dose

Redação Agora Joinville
Governo de SC
Foto: Julio Cavalheiro/Secom

O Estado distribui nesta segunda e terça-feira, 12 e 13 de julho, 214.500 doses da AstraZeneca/Fiocruz às 17 centrais regionais estaduais para aplicação da segunda dose (D2). Serão enviadas 16.640 vacinas para Joinville.

As vacinas começaram a ser encaminhadas no início da tarde desta segunda e a previsão é que a distribuição seja encerrada na tarde de terça. Todos os 295 municípios catarinenses serão contemplados com esta remessa.

 

"O Estado tem feito sua parte. Tivemos recorde de vacinação em junho e queremos ampliar a aplicação da D2 em julho. Projetamos cerca de 600 mil doses neste mês", afirmou o secretário de estado da Saúde André Motta Ribeiro.

 

As doses serão utilizadas para aplicação da D2 nas pessoas acima de 60 anos, trabalhadores da saúde, da educação e das forças de segurança e salvamento que receberam a primeira dose da vacina AstraZeneca/Fiocruz, em um período de 10 a 12 semanas (70 a 84 dias), encaminhadas aos municípios na remessa distribuída nos dias 29 e 30 de abril, conforme Nota Técnica 15.

 

Antecipação da segunda dose da AstraZeneca

Para organizar o processo de vacinação, evitar atrasos na aplicação da segunda dose e ampliar o número de pessoas com esquema completo da vacina AstraZeneca/Fiocruz, desde o dia 5 de julho, os municípios podem antecipar o agendamento da D2 para um período a partir de 10 semanas após a primeira dose, com limite máximo de 12 semanas, o que equivale a 70 a 84 dias após a primeira dose.

 

O superintendente de vigilância em saúde, Eduardo Macário, esclarece que, com essa alteração no agendamento da segunda dose, os municípios têm a possibilidade de antecipar a aplicação para um intervalo de 10 semanas, mas que pode variar de uma cidade para a outra.

 

“Recomendamos que a população se informe junto às secretarias de saúde municipais sobre os prazos que estão sendo adotados por cada cidade. A antecipação foi uma medida para evitar atrasos na aplicação da segunda dose e não altera a eficácia da vacina que é obtida com o esquema vacinal completo”, explica o superintendente.

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor da criação da região metropolitana de Joinville?

93.0%
5.1%
1.9%
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp