20/08/2021 às 08h23min - Atualizada em 20/08/2021 às 08h21min

Cenário de indefinições

Prisco Paraíso
Emblemática a reunião do PSDB da região de Criciúma (Amrec). Dentre as várias pautas discutidas e aprovadas pelo tucanato local, destaque para a sugestão do nome de Clésio Salvaro como opção majoritária para 2022.
Leia-se candidatura a governador (ou Senado numa composição). A política ensina que ninguém se lança candidato a vice, naturalmente, ainda mais na condição conquistada pelo alcaide tucano, sem dúvidas hoje a maior liderança política do sul catarinense.
Adotando uma estratégia discreta, mas que parece muito bem definida e que vem sendo executada cirurgicamente, Salvaro vai se colocando no jogo.
O prefeito, evidentemente, não dispensou a indicação dos correligionários regionais. Observou que está focado exclusivamente na administração da maior cidade sulista, mas que está aberto a visitar as lideranças da Amrec e ,também, receber a turma no paço criciumense.
Típica postura de candidato. O PSDB recebeu o ex-deputado Gelson Merisio em suas fileiras, nome que foi para o segundo turno em 2018 contra Moisés da Silva.


Sem força
O neo-tucano, no entanto, não se firmou como se imaginava no ninho. Sobretudo porque não dispõe mais das poderosas ferramentas que tinha à disposição até a última eleição estadual. A conferir os desdobramentos.

Rotina partidária
O fato é que os maiores partidos vivem momentos de instabilidade e transição de lideranças. O MDB convive há meses com a disputa interna entre o trio Celso Maldaner, Antídio Lunelli e Dário Berger.

Tripé
De forma mais velada, mas não menos disputada, o PSD tem Raimundo Colombo, Napoleão Bernardes e João Rodrigues trocando cotoveladas nos bastidores com vistas a espaços em 2022.

Antagonismo
A situação é um pouco menos turbulenta no Progressistas. Ali, contudo, uma disputa que já vem se repetindo há vários pleitos, tende a ter novo capítulo, com o casal Amin de um lado e Joares Ponticelli de outro.

Perímetro urbano
A Câmara dos Deputados aprovou o requerimento de urgência para a votação do projeto de lei 2510/19 de autoria do deputado federal Rogério Peninha (MDB/SC), que dá liberdade para que os municípios decidam sobre a metragem da Área de Preservação de Permanente (APP) no perímetro urbano.

Menos, STF
O texto visa revogar uma decisão do Supremo Tribunal de Justiça que determinou a aplicação do Código Florestal para delimitar esta faixa, ficando proibidas as edificações a menos de 30 metros de cursos d'água. A medida também tem efeito sobre imóveis já concluídos, o que levaria à desocupação de residências e estabelecimentos nestas áreas.

Recursos
O deputado federal Daniel Freitas (PSL) esteve na Prefeitura de Balneário Camboriú, junto com o vereador Kaká Fernandes (PODEMOS), onde anunciaram ao prefeito Fabrício de Oliveira (PODEMOS), a destinação de R$ 900 mil para a construção do Skate Park. Os recursos estão empenhados, através de emenda individual do parlamentar, e o pagamento ocorre ainda este ano.

Parceria
Segundo o deputado, já foram viabilizados para a Saúde de Balneário Camboriú R$ 600 mil, recursos pagos no ano passado, e mais R$630 mil que estão empenhados para pagamento ainda este ano.
O vereador Kaká destacou que Daniel Freitas não tem medido esforços para atender as demandas de Balneário Camboriú.
Link
Prisco Paraíso

Prisco Paraíso

Comentarista Político

Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor da criação da região metropolitana de Joinville?

90.7%
6.8%
2.5%
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp