02/07/2021 às 08h06min - Atualizada em 02/07/2021 às 08h05min

Caminhos a federal

Prisco Paraíso
No contexto atual da política catarinense, que se transformou numa salada mista jamais vista, com todo mundo no mesmo governo e todos, ao mesmo tempo, articulando para fortalecer seus projetos – pessoais e de grupo – para 2022, o quadro no PSD é sui generis.
O deputado Julio Garcia voltou a articular com toda a força, algo que ele faz com maestria.
Tendo o pupilo Eron Giordani pilotando a Casa Civil de Moisés da Silva, Garcia segue próximo ao governador e se fortalece no tabuleiro estadual.
Não por acaso, ele estimula o nome do prefeito de Chapecó, João Rodrigues, para a disputa majoritária de 2022. O oestino poderia ser o vice ideal do próprio Moisés ou em outra composição.

Contraponto a Merisio
Não só por estar no terceiro mandato de prefeito, mas também por ser do Oeste. E não apenas pela questão geográfica, mas também porque o maior desafeto de Julio Garcia, Gelson Merisio, é da mesma região.

Alvo certo
Posicionando João Rodrigues no jogo, Julio Garcia indiretamente tenta enfraquecer o ex-amigo Merisio em sua própria base.

Ligações históricas
Sim, foi o próprio Julio Garcia quem trouxe Napoleão Bernardes, jovem estrela da política estadual, para as fileiras pessedistas. Mas o deputado é muito mais ligado ao prefeito de Chapecó. Que ainda conta com este componente de ser um contraponto a Merisio no Oeste.

Deputados
Para Napoleão Bernardes o PSD deverá oferecer a possibilidade de ser candidato a deputado federal pela região de Blumenau. E só. O mesmo vale para o ex-governador Raimundo Colombo. Se ficar no partido, ele terá espaço, pelo andar da carruagem, para concorrer à Câmara na região serrana.

Pé no acelerador
O Presidente da Alesc, deputado Mauro de Nadal, declarou que deve ser célere a tramitação da necessária e urgente Reforma da Previdência estadual. O texto chegou ao Legislativo na segunda-feira.

Cronograma
Segundo Nadal, o cronograma para a tramitação da reforma permite que, mesmo com uma análise célere, os segmentos que serão afetados pela reforma sejam ouvidos pela Assembleia, por meio de audiência pública. "Temos que ouvir todos os interessados e ter agilidade na análise da reforma, porque o déficit da previdência para os cofres públicos é muito grande", comentou o deputado.

Licença
A partir desta quinta-feira (1º), o prefeito Antídio Lunelli (MDB) entra de licença sem remuneração. Lunelli fará neste período um roteiro pelo interior de Santa Catarina, incluindo a Serra e o Oeste, e participará neste fim de semana de encontros do MDB.
Pré-candidato ao governo do Estado, o empresário é um dos líderes do movimento pela renovação do partido e defensor das prévias para definição do nome que representará a sigla na eleição do próximo ano.

Dois inimigos
Empresário Luciano Hang se manifestou sobre a convocação para depor na CPI da Pandemia, ou do Circo. Afirma que recebeu a notícia com tranquilidade. "Nada melhor do que a verdade para elucidar os fatos", assinalou ele, salientando que a "assim que a pandemia chegou ao país, no começo de 2020, sempre deixei claro que temos dois inimigos: o vírus e o desemprego. Me posicionei a favor da saúde, sem deixar de lado os cuidados com a economia do Brasil."
Link
Prisco Paraíso

Prisco Paraíso

Comentarista Político

Relacionadas »
Comentários »

Você é a favor da criação da região metropolitana de Joinville?

93.5%
4.3%
2.2%
Anuncie no AJ
Atendimento
Quer divulgar sua empresa? fale conosco pelo Whatsapp